resíduos líquidos

Algumas atividades industriais geram resíduos líquidos diariamente. Essas sobras necessitam de uma coleta e tratamento especial, pois eles podem causar um impacto negativo considerável ao meio ambiente. Para evitar que esses poluentes sejam descartados de forma errada, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) estabeleceu regras para o gerenciamento deles.

Portanto, é fundamental que as empresas que lidam com esses resíduos tenham conhecimento dessas normas e as sigam de forma rigorosa. O interesse é evitar que esses materiais afetem o meio ambiente ou a saúde de pessoas. Para solucionar qualquer falta de conhecimento sobre o tema, a Desentupidora Líder reuniu tudo o que você precisa saber sobre a coleta e transporte de resíduos líquidos industriais.

Como a coleta e transporte de resíduos líquidos é feita?

entendendo o transporte de resíduos líquidos

É fundamental que a empresa geradora dos resíduos líquidos, também conhecido como efluentes, escolha com cautela a companhia que irá realizar esse transporte, porque além dos danos ambientais causados pelo vazamento, se a coleta não for feita da maneira adequada o gerador será punido por meio de multas.

O caminhão transportador deve ter a capacidade adequada para o volume que será coletado. Dessa forma, além de diminuir os custos para realizar o procedimento, não existe a possibilidade de riscos. Geralmente, os caminhões tanques suportam de 2 a 48m³. Também é ideal que os caminhões tenham um compressor de anel líquido, para que ele consiga fazer a retirada dos resíduos líquidos em locais de difícil acesso.

É possível realizar o transporte por meio de dois procedimentos, que são mistos ou seletivos. No sistema seletivo, que costuma ser mais usado e eficiente para resíduos sólidos, os efluentes são coletados separadamente, de acordo com o tipo. Já no sistema misto, os rejeitos são misturados.

Cuidados necessários

É importante que os resíduos líquidos não sejam expostos à atmosfera. Essa precaução é necessária porque, além dos cheiros fortes que esse contato pode causar, o risco de doenças transmitidas por vias aéreas é muito maior. O recomendado é que uma bomba de sucção seja utilizada para que os líquidos sejam recolhidos de forma selada.

A seguir, você pode observar uma imagem de resíduos líquidos sendo descartados de forma incorreta na natureza.

precauções no transporte de resíduos líquidos

Principais regras

O descarte inadequado dos resíduos líquidos é crime no estado de São Paulo. Multas dos órgãos CETESB, IBAMA, Polícia Ambiental e Ministério Público são dadas aos responsáveis por descartar os efluentes em rios ou redes de esgoto. Em casos mais graves, os culpados podem ser presos.

De acordo com a ABNT, os tanques que realizam o transporte precisam estar em bom estado de conservação, para que não ocorram derramamentos durante o procedimento. Também é imprescindível o porte do documento de controle ambiental, que precisa informar o tipo de acondicionamento dos materiais. Os efluentes também não podem ser carregados junto com produtos de consumo humano.

Conte com uma equipe especializada

Como foi apontado anteriormente, o correto transporte e coleta desses materiais não pode ser negligenciado. Seguir as normas garante a precaução contra prejuízos, menos impacto ambiental e menores danos à saúde pública. Por isso, é fundamental que a empresa geradora dos efluentes procure uma equipe especializada para realizar esse procedimento.

Aqui na Desentupidora Líder nós fazemos o transporte de resíduos líquidos de forma rápida e eficiente, com os equipamentos necessários para evitar acidentes e vazamentos. Além disso, nossa desentupidora também realiza hidrojateamento, dedetização, e disponibiliza caminhão limpa fossa. Entre em contato e conheça mais sobre nossos serviços e como podemos lhe ajudar.

Compartilhe: